Novo no site?


Login


Esqueceu a Senha? (X)

Recuperar Senha


(X)

Digite sua nova senha


(X)

Já tem uma conta?


Inscreva-se


(X)
Farooq


BLOG LAFIS

Home Blog
  • transporte aéreo, empresas do setor transporte aéreo, empresas do segmento transporte aéreo, setor transporte aéreo, segmento transporte aéreo, economia, macroeconomia
    • Autor
      Lafis
    • Ano
      2020
    • Categoria
    • Analista Responsável
      Felipe Souza
    A Azul, Linhas Aéreas vem tramando uma estratégia bastante arrojada para absorver uma parcela, cada vez maior do mercado da aviação comercial brasileiro.

    Após a Avianca perder grande parte do mercado nacional, sobretudo de voos regionais, a Azul acaba de anunciar a aquisição da Two Flex na intenção de estar presente nestas rotas que deixaram de ser atendidas. A Two Flex oferece serviços regulares de passageiros e cargas para 39 destinos no Brasil, os quais atendem rotas consideradas fora do eixo de maior densidade de voos.

    Em uma outra frente, o presidente da empresa, John Rodgerson, anunciou nesta semana que a companhia comprará 75 aeronaves da Embraer alegando que “A gente está em 150 cidades agora, mas queremos chegar a 200 cidades no país nos próximos 3 a 4 anos”, acrescentando que a companhia passará, em junho, a oferecer voos de Viracopos, em Campinas (SP), para Nova York.

    Em apenas 7 anos, o market share da Azul passou de 3% os atuais 23,6% se consolidando como a terceira maior empresa do setor, ameaçando, pela primeira vez as duas maiores Gol e Latam que detém respectivamente 37,6% e 34,3% de participação de mercado.

    Especialista do Setor Felipe Sanches