Novo no site?


Login


Esqueceu a Senha? (X)

Recuperar Senha


(X)

Digite sua nova senha


(X)

Já tem uma conta?


Inscreva-se


(X)
Farooq


BLOG LAFIS

Home Blog
  • telequipamentos, empresas do setor telequipamentos, empresas do segmento telequipamentos, setor telequipamentos, segmento telequipamentos, economia, macroeconomia
    • Autor
      Lafis
    • Ano
      2020
    • Categoria
    • Analista Responsável
      Marcel Carneiro
    De acordo com dados do IBGE, a produção de equipamentos de comunicação, que incluem equipamentos transmissores de comunicação e aparelhos telefônicos e de outros equipamentos de comunicação, recuou 10,6% no acumulado de 12 meses até novembro de 2019. 

    As vendas de celulares também recuaram na comparação de 12 meses (-0,3%) até outubro de 2019 (dados mais atuais disponibilizados pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica – Abinee).

    Dados dos últimos anos mostraram uma interessante tendência quanto ao comportamento dos consumidores de smatphones no Brasil e no mundo: a preferência pela compra de celulares mais caros e com mais funcionalidade e redução da frequência de compra, resultando em aumento do ticket médio e faturamento do setor e menor volume de vendas. Neste sentido, a Lafis destaca como estratégia de grandes fabricantes mundiais de smartphones a venda de produtos complementares e a prestação de serviços, respondendo ao comportamento do mercado e reduzindo a participação das vendas de celulares no total do faturamento e elevando de outros produtos e serviços.

    Quanto ao segmento de infraestrutura do setor de telecomunicações, existe uma grande expectativa quanto ao desenvolvimento da tecnologia 5G no mundo nos próximos anos, que exigirá investimentos robustos por parte das companhias de telecomunicações. No Brasil, segundo notícias recentes do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) tal tecnologia será implementada somente a partir de 2022.


    Especialista do Setor Marcel Tau