Novo no site?


Login


Esqueceu a Senha? (X)

Recuperar Senha


(X)

Digite sua nova senha


(X)

Já tem uma conta?


Inscreva-se


(X)
Farooq


BLOG LAFIS

Home Blog
  • telecomunicações, empresas do setor telecomunicações, empresas do segmento telecomunicações, setor telecomunicações, segmento telecomunicações, economia, macroeconomia
    A proposta de reforma tributária enviada pelo governo ao Congresso se levada adiante elevaria a carga tributária sobre o setor de telecomunicações de 47% para quase 49%, segundo o presidente-executivo do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), Marcos Ferrari. O cálculo foi feito a partir de uma análise preliminar das informações divulgadas pelo Ministério da Economia sobre o tema da reforma.

    É importante destacar que diversos estudos já apontaram que a carga tributária dos serviços de telecomunicações no Brasil está entre as maiores do mundo. Considerando a essencialidade dos serviços oferecidos pelo setor, não só no atual momento de isolamento social, mas também em períodos normais, dado o crescimento de serviços prestados pela internet e que permeiam diversos segmentos das vidas das pessoas, o aumento da carga tributária pode tornar o acesso aos serviços de telecomunicações mais caros, onerando mais os clientes que já quase não podem pagar, e tornando mais difícil o acesso para a população de baixa renda.

    Deste modo, torna-se necessário para os participantes do setor o acompanhamento dos impactos da reforma proposta e de qualquer outra nesse sentido, para que os impactos nas empresas e na sociedade de qualquer alteração tributária sejam os mais claros possíveis.

    Especialista do Setor Marcel Tau.